Temer demite hoje assessor preso hoje

Felipelli entre o angorá e o chefe: em que outro estádio ele assessorava? (Créditos: Cadu Gomes/CB/Da Press)

Se gritar pega ladrão naquele Palácio…

Via Conversa Afiada

Do Globo:

Assessor de Temer preso pela Polícia Federal é exonerado

Tadeu Filippelli, assessor especial do presidente Michel Temer preso nesta terça-feira, foi exonerado (…) A operação da Polícia Federal é baseada em delação da Andrade Gutierrez sobre suposto esquema de corrupção nas obras do estádio Mané Garrincha para a Copa.

A exoneração já foi assinada por Michel Temer e está na Casa Civil. A demissão de Filippelli deve ser publicada no Diário Oficial a partir desta quarta-feira.

Filippelli, correligionário de Temer é um dos assessores mais próximos do presidente, foi vice-governador do DF. Segundo um funcionário do Gabinete Pessoal da Presidência, onde Filippelli exercia cargo comissionado, ele costumava ir ao Palácio do Planalto todos os dias e trabalhou normalmente nesta segunda-feira. (…) A operação é baseada em delação premiada da Andrade Gutierrez sobre um esquema de corrupção nas obras do estádio Mané Garrincha. De acordo com as investigações, o superfaturamento na construção chega a quase R$ 900 milhões — com custo previsto de R$ 600 milhões, o estádio saiu a R$ 1,575 bilhão ao fim de 2014. Trata-se da arena mais cara de toda a competição. (…)

Leia::  Temer pediu a Joesley que contratasse Yunes por R$ 50 milhões

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *