Lula ao Moro: quando a Globo vai em cana?

Emílio Odebrecht disse comprou a Globo para privatarizar

por Paulo Henrique Amorim, Conversa Afiada

Como se sabe, Emilio Odebrecht, que deveria ficar em cana com o filho, delatou a Globo Overseas Investment BV

Disse que comprou a Globo para privatarizar tudo no Governo (sic) do Príncipe da Privataria, maestro da Privataria Tucana.

O Presidente Lula tratou desse crime hediondo na excelente entrevista que deu ao Kennedy Alencar:

KA – Presidente, a sua defesa sempre alega que Moro e os investigadores são parciais. O senhor mesmo falou: “Ah, as condicionantes para os delatores são sempre envolver o nome do Lula”. O senhor se sente claramente perseguido pelo Ministério Público? E por que o Ministério Público faria isso em relação ao senhor?

Lula – Porque nós estamos vivendo um momento de excepcionalidade. Se você pegar as denúncias feitas contra mim, você percebe que elas fazem parte de um processo. Se você pegar agora esses últimos trinta dias, que vai chegando perto do meu depoimento, eles criaram um roteiro. Por que sabe qual é o grande problema da Lava Jato? O grande problema da Lava Jato é que eles se subordinaram aos meios de comunicação para poder obter sucesso no que eles estão fazendo. Então, eles estão reféns dos meios de comunicação. E esse negócio não pode acabar! Não pode acabar com as manchetes absolvendo o Lula! Eles me condenaram três anos! Então, eles resolveram fazer esse show de pirotecnia, levando a Odebrecht… E é engraçado porque, no meu caso, quando o Emílio Odebrecht foi prestar depoimento _eu vim escutando hoje_, ele diz textualmente: “Eu e outras empresas, junto com a Globo, criamos uma empresa para pressionar o processo de privatização no governo Fernando Henrique Cardoso, sobretudo na área de telefonia e na área de petróleo”. Eu imaginei que aquilo seria manchete no Jornal Nacional. Nem deram nada! E o Ministério Público, nem o Janot nem ninguém da operação Lava Jato, resolveu fazer um processo de investigação para saber se era verdade. Então…

Leia::  No Piauí, freis apoiam luta dos trabalhadores em defesa da Previdência

Em mal dissimulada retaliação, a Globo Overseas – em sua versão falida, impressa – resolveu produzir um dossiê para botar o Lula na cadeia do “juiz de porta de cadeia”, como diria o Ministro Gilmar, ao soltar o Eike.

Cristiano Zanin, advogado de Lula, deu uma resposta à altura.

Ou seja, abaixo da linha da cintura da Globo:

Resposta aberta ao O Globo

28 de abril de 2017

O ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva terá, no dia 10/5, no Juízo de Curitiba, a chance de recuperar a verdade dos fatos pelos quais tem sido injustamente atacado. Lula nunca se negou a prestar qualquer informação à Justiça, mas tem enfrentado uma avalanche de acusações – sem prova – , na esteira do vazamento de delações premiadas, negociadas por réus em troca de liberdade.

Na vigência da Operação Lava Jato, Lula teve seu sigilo bancário, fiscal e telefônico quebrado, foi privado de sua liberdade por mais de 6 horas, sofreu devassa em sua vida pessoal e na de seus filhos e nenhuma prova de ilegalidade foi encontrada, pela simples razão de que sua trajetória pessoal e política é ilibada.

Lula não está acima da lei. Como qualquer outro cidadão quer ver prevalecer uma justiça imparcial e ter sua honra e reputação respeitadas. As Organizações Globo, à qual o jornal O Globo pertence, lideram um processo sistematizado de ataque ao nosso cliente, pinçando reiteradamente, de forma midiática e maldosa, informações com o objetivo de macular a imagem de Lula e privar a sociedade do conhecimento real dos fatos, inclusive depoimentos e documentos que são elementos a corroborar a inocência do ex-Presidente.

As questões abaixo listadas e enviadas hoje pelo O Globo aos advogados de Lula já foram objeto de notas e manifestações anteriores da defesa e nunca mereceram sua divulgação na íntegra. Diante dessa realidade, nós, os advogados do ex-Presidente, optamos por não responder ao jornal e divulgar antecipadamente nosso repúdio à manipulação com que temos certeza iremos novamente nos deparar.

Leia::  Temer, Maia, Cármem. Os três pequenos poderes do grande país que encolheu

Cristiano Zanin Martins

Email de O Globo:
Estamos produzindo um material, a exemplo do que o Globo tem feito com outros réus da Lava-Jato/Zelotes, sobre tudo o que tem a respeito do ex-presidente Lula – as ações, as investigações em andamento e o que disseram delatores.

Gostaria de ter as respostas ponto a ponto. É possível?
Temos
(sic) as seguintes ações penais (…)

Em tempo: como não têm curso universitário, os filhos do Roberto Marinho vão ficar no cadeião. – PHA

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *