EUA destruiu no Afeganistão túneis construídos com próprio dinheiro

via Jornal GGN – Da Agência RT –

Ex-analista da CIA, Edward Snowden, usa sua conta no Twitter para lembra que complexo destruído pela “mãe de todas as bombas” foi construído com recursos de Washinton, nos anos 1980.

A chamada ‘mãe de todas as bombas’ foi lançada sobre terroristas do Estado Islâmico na província de Nangarhar, no leste do país e perto da fronteira com o Paquistão
O ex-analista da CIA, Edward Snowden, que atualmente reside em Moscou (Rússia), escreveu em sua conta no Twitter, que o complexo de túneis destruído na última quarta-feira pela bomba não nuclear mais potente dos Estados Unidos, chamada foi construído com recursos de Washington.
“E essas redes de túneis usada pelos rebeldes do Afeganistão que foi bombardeada? Nós pagamos por eles”, disse por mensagem, acompanhada com um fragmento de um artigo do jornal ‘The New York Times’, de 2005.
A nota afirma que a construção das chamadas covas de Tora Bora, da província de Nangarhar, no leste do Afeganistão, foi financiada na década de 1980 pela CIA. Washington, então, ajudou os chamados muyahidines (rebeldes afegãos) a lutar contra as forças do limitado contingente de tropas soviéticas no território do Afeganistão.
A poderosa bomba GBU-43/B (MOAB) pesa cerca de 9,5 toneladas e o lançamento foi feito em um avião MC-130 pertencente a um corpo de operações especiais da Força Armada dos Estados Unidos. O secretário de Imprensa da Casa Branca, Sean Spicer, confirmou o lançamento na última quarta-feira (12), sobre terroristas do Estado Islâmico na província de Nangarhar, no leste do país, perto da fronteira com o Paquistão.
Leia::  Imagens mostram resgate de menina chorando sob escombros na Síria

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *